terça-feira, 23 de agosto de 2011

A luta vai estar nas ruas.

 A luta vai estar nas ruas,e nós vigilantes tambem temos que participar,porque o governo está a roubar forte e feio nos nossos direitos e se aproveitando da crise que eles provocaram,e estão a ir direitinhos aos nossos bolsos.Só quem não os conhece é que pode se iludir com a conversa barata desta gente.




INFORMAÇÃO MUITO IMPORTANTE A TODOS OS TRABALHADORES:  O GOVERNO PSD/CDS ESTÁ A ATACAR FORTEMENTE IMPORTANTES DIREITOS DA CLASSE TRABALHADORA E A PROTEGER OS PATRÕES E OS RICOS E PODEROSOS:  
•    JÁ APROVOU O ROUBO (IMPOSTO EXTRAORDINÁRIO) NO NOSSO SUBSIDIO DE NATAL;
•    QUER BAIXAR AS INDEMNIZAÇÕES PAGAS AOS TRABALHADORES (EM CASO DE DESPEDIMENTO);
•    QUER BAIXAR A CONTRIBUIÇÃO PAGA PELOS PATRÕES PARA A SEGURANÇA SOCIAL.

ESCÂNDALO! INJUSTIÇA!
pdf COMUNICADO
«UNIDOS NA LUTA»

Plenários para discutir o novo cct.

 Ai está as negociações para o novo cct,só com muita luta se consegue alterar alguma coisa,por isso vamos participar nos plenários para darmos  a nossa contribuição.

 
 
Início
AOS TRABALHADORES DO SECTOR DA VIGILÂNCIA PRIVADA
 VAI-SE INICIAR O PROCESSO DE REVISÃO DO NOSSO CCT DO SECTOR DA VIGILÃNCIA PRIVADA PARA VIGORAR EM 2012:
CONVOCA-SE UM
PLENÁRIO NACIONAL DE TRABALHADORES
DO SECTOR DA VIGILÂNCIA PRIVADA
(descentralizado por sessões regionais a realizar na 2ª quinzena de Setembro)
PARA DECIDIR A PROPOSTA SINDICAL DO STAD A APRESENTAR ÀS ASSOCIAÇÕES PATRONAIS
pdf O VIGILANTE
BOLETIM DO STAD PARA  OS  TRABALHADORES  DO  SECTOR  DA  VIGILÂNCIA  PRIVADA

«UNIDOS NA LUTA»

sábado, 20 de agosto de 2011

Grupo 8 não cumpre.

 Grupo 8 não cumpre,é uma empresa nacional,se diz que já foi a maior.
O grupo 8 anda a querer competir no campeonato das mais piratas,e anda a ter uma prática que vai nesse caminho,exemplos são mais que muitos,desde o não reunir com o sindicato para se resolver estes problemas.
 Vou só dar alguns pequenos exemplos,o não pagamento no final do mês do subsidio de almoço, paga normalmente o não pagamento das horas nocturnas como estabelecido no cct e agora algum tempo para cá também deixou de cumprir com a clausula do fardamento impondo aos mais novos uma caução.
Por isso o stad já requereu a intervenção da ACT.




AOS TRABALHADORES VIGILANTES DO GRUPO 8
 PORQUE A EMPRESA NÃO SE DISPONIBILIZOU PARA O DIALOGO SOCIAL, O STAD JÁ REQUEREU AO MINISTÉRIO DO TRABALHO UMA REUNIÃO COM O GRUPO 8!
O STAD EXIGE QUE O GRUPO 8 – A MAIOR EMPRESA DE VIGILÂNCIA PRIVADA NACIONAL – TENHA BOAS PRÁTICAS LABORAIS, ESPECIALMENTE DE DIÁLOGO SOCIAL!
pdf COMUNICADO















«UNIDOS NA LUTA»

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Afinal foi a ACT que obrigou.

 Já bastante tempo que sabia que a PRESTIBEL tinha mentido aos trabalhadores.
Mas agora o STAD vem repôr  a verdade,ou seja foi a acção da ACT,com a denuncia do stad,e com a colaboração de trabalhadores da Prestibel.Além da Prestibel também a ASF  de coimbra foi obrigada a devolver o fardamento,e o STAD AVISA QUE DEPOIS DESTAS,A LUTA SE VAI ESTENDER A OUTRAS QUE NÃO CUMPREM O CCT.






AOS TRABALHADORES VIGILANTES DA PRESTIBEL E DO SECTOR DA VIGILÂNCIA PRIVADA
 A REQUERIMENTO DO STAD, A ACT FEZ UMA INSPECÇÃO EM MAIS UMA EMPRESA INCUMPRIDORA DOS NOSSOS DIREITOS:
A PRESTIBEL FOI OBRIGADA A DEVOLVER AOS SEUS TRABALHADORES O VALOR DA CAUÇÃO DO FARDAMENTO QUE FOI RETIDO INDEVIDAMENTE!
VALE A PENA LUTAR – A LUTA COMPENSA!
PELOS NOSSOS DIREITOS, A LUTA CONTINUA!

pdf COMUNICADO


«UNIDOS NA LUTA»